O CAMINHO DO AUXÍLIO

Salve Guerreiros da Luz! Sede benvindos em nome de Deus!

Mais uma vez estou entre vós.

É o Irmão Yury?

Isso mesmo. Vim esclarecer algumas questões. Sou eu mesmo que me encontro entre vós neste momento.

Nossa alegria é imensa. Faz algum tempo que não éramos agraciados com vossa presença amiga. Estávamos com saudades!

A outras tarefas me dediquei, desenvolvendo-as enquanto não me apresentava no vosso meio; porém, guardai a certeza de que, pela força do pensamento, trazia-vos comigo.

Graças ao PAI! Ficamos muito felizes por isso!

Vossa humanidade descrente vem caindo em armadilhas, na tentativa de desmoralizar a consciência extraterrestre que existe presente no planeta.

É importante para todos os grupos que trabalham sob a orientação do nosso Comandante Ashtar Sheram, esclarecer e divulgar, não permitindo que ideias errôneas se instalem e se disseminem nos corações daqueles que ainda estão a caminho da compreensão e entendimento da fraternidade que existe entre os habitantes do Universo. As tentativas nascem dos corações endurecidos, com objetivo de denegrir a missão que ora desempenhamos no meio de vossa humanidade. É certo que nascem antes nos corações trevosos, distanciados da Luz, desejosos de insuflarem o medo e a discórdia, induzindo os homens desavisados a forjarem provas de uma possível passagem de seres extraterrestres negativos para o vosso planeta. Não há fundamentos nessa assertiva, pois há muito os Portais da Terra estão fechados para os intrusos de qualquer categoria. Não permiti que isso prossiga. Cabe a vós, Mensageiros da Luz, esclarecer os incautos e fortalecer a fé nos fracos. A ordem é perseverar, apesar das tentativas que são feitas para derrubar a ideia da fraternidade, do amor e do servir que estamos tentando implantar, para facilitar a esta própria humanidade passar pelos cataclismos de ordem natural, que a Terra enfrentará muito em breve.

É preciso receber-nos em vossos corações para que possamos ajudar-vos. Esta é a condição primordial.

Sem Luz, por mais amor que tenhamos a cada um de vós, nada poderemos fazer, pois se nos evitarem, nosso plano de ação não vos atingirá.

Se em vossos corações não houver uma única centelha, pequenina que seja, mas que sirva para abrirmos o caminho do auxílio, nosso plano não funcionará.

A irmã deseja perguntar alguma coisa?

Gostaríamos de saber, se possível, sobre os acontecimentos futuros em relação à época mesmo sem precisar datas. Será que a fase mais grave, de tudo o que venha a ocorrer, se dará no 2o. semestre de 1999?

(Obs.: Perdemos por falha no gravador, muitas palavras, antes do que escrevemos a seguir)... as vibrações pesadas, negativas como chamais, que vibram intensamente nestes locais de aglomerações humanas, como nos presídios, penitenciárias, instituições de recuperação de crianças e adolescentes, elas vos darão os sinais. Estes locais explodirão como verdadeiras bombas. Ondas de violência e dor se espalharão, de maneira incontrolável, para vossa sociedade. Estejais, pois, atentos para este sinal.

Irmão, já estamos vivendo este tempo. Há, diariamente, rebeliões em penitenciárias ou casas de detenção. Por outro lado, os assassinatos isolados ou coletivos, vícios de toda espécie, paixões violentas e trabalhos pesados de magia negra, deixam trajetória de dor, desespero e revolta em proporção gigantesca. Creio, por tudo isso, que a passagem do Astro Intruso ou Higienizador está muito próxima. Que dizeis?

Com todo respeito às vossas considerações que são muito atentas à realidade do vosso mundo, eu vos afirmo, com a autoridade que me foi concedida, que, o que viveis hoje neste planeta, ainda é o início. Não mais se conterão essas almas violentas dentro dos cárceres. Vossas polícias não terão sobre elas o poder de controle. Estarão entre vós, em sua maioria, no dia a dia e estarão espalhadas sobre a superfície da Terra, como animais em busca de suas presas. Hoje, já convivem convosco, porém, ainda precisam disfarçar-se, todavia, naquele momento do qual falamos será chegada a hora da separação do joio do trigo. No momento citado não mais será suportável a convivência entre seres de tão diversas vibrações. É a hora de atuarmos. É a hora em que interviremos. É a Hora do Resgate!... Hora em que nos faremos presentes fisicamente, da maneira que nos for possível, para alcançarmos todo aquele que puder ser resgatado. Neste momento, meus irmãos, não vos preocupeis, não turveis vossos corações pelo medo, por apego e dúvidas, pois não haverá tempo para solucioná-los. Haverá tempo, sim, apenas para resgatar aqueles que puderem ser resgatados.

O momento é grave e de muita seriedade, portanto, cabe esclarecer a todos, acreditem ou não acreditem, para depois não alegarem que não foram avisados, que no momento preciso, estejam com os corações preparados para receber-nos.

Tudo será rápido!...

Fiquem na Paz de Deus.

Yu r y - Comandante do Planeta Patrulha e

Comandante das Tropas de Resgate Planetário 03/10/1997

Livro Os Decaídos e Sua Trajetória Terrestre vol. 2

http://www.extraseintras.com.br/publicacoes_pdf.asp