EVITAI OS MILAGRES E BUSCAI A RENOVAÇÃO

Salve Jesus, o Divino Mestre.

Ele, que nos conhece a alma nos mais íntimos pensamentos e intenções. D’Ele nada podemos esconder, pois seria inútil.

Os falsos profetas que pregam as palavras imorredouras do Nazareno, invertidas em seu sentido, segundo os seus interesses, desconhecem a Força de Jesus. Julgam que ficarão impunes suas ações pois, assim como enganam as multidões, enganarão também o Mestre Maior.

Não existem intenções indevassáveis para Jesus.

Somente os tolos julgam enganar a Divindade, quando somente a si mesmos enganam.

As criaturas iludidas pelos Falsos Profetas, que dizem resolver suas brigas domésticas e desequilíbrios financeiros, são igualmente culpadas como o Falso Profeta que as seduz.

As más tendências morais são exploradas pelos espíritos que as iludem e, fracas são as almas que se deixam hipnotizar, sucumbindo diante da ilusão de realizações de problemas banais financeiros, familiares ou de livrar-se, sem esforço, de inimigos inconvenientes.

Aquele que não usa suas próprias forças e energias para solucionar seus problemas, julgando que o Criador lhe envia um “salvador encarnado” que, com procuração divina, possui plenos poderes de realizar milagres, é igualmente culpado pela perpetuação do mal sobre a Terra.

Não há garantias de salvação para aquele que busca por milagres. Sem sacrifício, renúncia, trabalho, fé e prática das lições de Jesus não existirá transformação na criatura. Haverá sempre perpetuação da repetência nas carteiras das escolas dos Planetas de Expiação e Provas.

Ficai atentos irmãos, para detectardes os Falsos Profetas. Os percebereis naqueles que pregam as palavras do Cristo, não com brandura, mas com irascibilidade; naqueles que decoram os versículos e capítulos dos Evangelhos, mas não praticam as lições morais ali contidas.

Os falsos profetas são todos os que prometem o céu aqui na Terra e, alimentam com as chamas do ódio um inferno punitivo.

Antes de vos entregardes aos Falsos Profetas, buscai Jesus e Seu Evangelho. Ele, que sem necessidade de templos suntuosos, fez suas pregações ante o altar da Natureza.

Buscai burilar os próprios vícios e desvios morais, exercitando o amor e fortalecendo a fé. Agindo assim, naturalmente vos aproximareis de Jesus de Nazareth e estareis livres dos “servidores das trevas” que arrastam as multidões desorientadas e ignorantes ao atraso secular, milenar de suas almas, na senda da escuridão.

Evitai os milagres e buscai a renovação.

Somente Jesus é a Luz que nos guia e protege.

Salve Jesus.

Thomé, em 25/01/2008

Livro Em Nome do Cristo Novamente Aqui Estamos

http://www.extraseintras.com.br/publicacoes.asp