EU ME OCUPO DE VÓS - MENSAGEM DE MARIA DE NAZARÉ -

Afora todas as ocorrências naturais em vossas vidas planetárias, onde o 'imprevisível' pode abalar as almas e assustá-las de inúmeras formas, todas de soluções complexas neste torvelinho de vosso orbe, ou mesmo noutra dimensão de vida, ainda existem e se agravam os tormentos 'internos' de cada criatura, à medida em que se aproximam tempos de maturidade de suas almas e da própria Terra.

Muitas vezes, para realmente estarmos vos ajudando a galgar degraus que vos enriqueçam de predicados morais e espirituais mais nobres, permitimos que a adversidade que se instalou em torno dos vossos corações e dos vossos pensamentos, como nos vossos lares, em vossa saúde, inclusive, façam o seu trabalho de burilação e aperfeiçomento.

Aparentemente a 'escuridão' é que toma conta de vossas vidas, por vezes, mudando o rumo das coisas...

O percurso que já vinha sendo feito por vós, de forma natural, de forma aparentemente estabilizada, e que já havia tomado conta de vossa alma, de tempos em tempos 'muda e vos confunde...

Mas nós sempre sabemos, realmente, o 'porquê' dessas reviravoltas repentinas ou até mesmo as que são 'crônicas' em vossas vidas, pois que compreendemos que o 'posto' na vida cósmica que deveis ter, quando de volta de vossas múltiplas passagens pelos planos de existência, e a vós designado conforme vosso desempenho evolutivo, deve ser uma conquista de obstáculos vencidos e deficiências morais substituídas por valores nobres.

E a cada um, a partir desta vossa vida presente e quase derradeira para muitos, a vitória virá conforme as escolhas entre o 'amor e o desamor'!

O futuro dependerá de como estareis superando as crises, os empeços, as armadilhas do caminho, as tentações do egocentrismo e do orgulho, do individualismo e da ambição e vaidade, da luxúria, da ingratidão e da antifraternidade.

Esse amanhã que tanto almejais, na esperança de vislumbrardes a luz cósmica imorredoura e o vosso trono de iluminação vos esperado, pode ser diferente para uns e para outros, pois que cada um terá subido somente os degraus que realmente conseguiram, a despeito de todo o socorro divino e toda a misericórdia e perdão.

Estais em plano físico para cumprirdes a vontade de vosso coração cósmico eterno.

Contudo, ao terdes chegado aqui, os apetites terráqueos vos fizeram esquecerem-se que nem sempre é a vossa vontade genuína que tem vos movido, e nem sempre vos lembrásteis de encontrar a porta de vossa verdadeira libertação...

Se vos esqueceis, a vontade de vosso Pai, que sempre será a de propiciar-vos essa 'redenção' fadada a todos os seus filhos', não falha e não erra ao vos conceder os episódios internos e os episódios planetários para vos lembrarem de quem sois e dos vossos votos anteriores sobre vós mesmos.

E é preciso que todos tenhamos essa consciência de que o 'despertar' ainda é urgência para milhares de seres humanos e assim compreeendemos, 'liberamos' racionalmente o 'fluir' das situações adversas 'dentro e fora de nós'...

Para tirar-vos da 'acomodação' milenar é preciso que a própria existência e seus percalços vos sacolejem de tempos em tempos, para que possais tirar proveito de situações não esperadas e para que possais realmente burilar arestas que ainda estão pendentes em vossa personalidade terrena e em vossa identidade cósmica, em vosso modo de 'ser e ver' a vida como oportunidade de testardes a vossa própria luz, pois que para viver em plena luz no mundo divino há que ser como ela...vibrar como ela, para que ela mesma não vos constranja.

O caminho do 'encontro consigo mesmo' é um caminho também de 'iniciação exotérica'! É preciso vivenciar a intimidade da dor humana para poder desfraldar o Amor em vossos corações!

É preciso que aconteça o cenário da 'dor do outro' para seduzir-vos ao 'Amor'...

É preciso que aconteça o cenário da 'vossa própria dor' para que possais avaliar 'quem sois' e do que precisais em vossa bagagem, que seja composta de instrumentos e alavancas propulsoras de vossa evolução...

E também para que percebais como é a 'dor do vosso mundo' ou 'a dor ou o amor de muitos mundos' e tenhais a oportunidade de eleger os vossos futuros...

Mas nem por isso estais sozinhos neste percurso de vossos constantes ingressos nas passarelas vivas de vossas iniciações, as quais, repetidamente, são-vos oportunizadas!

Acompanhamos todos vós a cada instante e eu, pessoalmente, me dedico, com muito empenho, com muito amor maternal, nas vossas causas particulares, pois todos os que todos que aqui estão vivendo neste momento presente do globo me são muito caros, como sendo todos 'meus filhos' e 'meus irmãos' perante o Pai.

Todos vós que estais aqui neste templo-escola da vida terrena, quero que saibais que 'me ocupo' de vossos padecimentos, embora e mesmo que os passos que dais sempre devam ser vossas escolhas...mas sempre vamos acudir-vos!

Mensagem completa aqui: http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.com.br/2011/01/eu-me-ocupo-de-vos.html