A ETERNA JUVENTUDE -

Lançando um olhar pelas proximidades do tronco onde estávamos sentados, vimos perto a pantera que dormia profundamente. Saint Germain iniciou a explicação de várias fases importantes na aplicação das mais elevadas leis, para a manifestação do domínio próprio, inerente a cada um, sobre as coisas do mundo dos sentidos. Isso levou-o a explicar como ele era capaz de expressar tal juventude e Perfeição num corpo tão velho, segundo o processo humano de contar o tempo. "A Eterna Juventude", explicou, “é a Chama de Deus habitando no corpo do homem-a Dádiva de Si Mesmo, do Pai à Sua Criação. A mocidade e a beleza, tanto, do corpo como do espírito, só podem ser permanentemente conservadas pelos indivíduos que são bastante fortes para impedir a entrada da discórdia, e aquele que assim o faz pode expressar e expressará Perfeição, mantendo-a. “Quando Paz, Amor e Luz não habitam dentro dos pensamentos e sentimentos de um ser humano, nenhuma soma de esforços físicos podem conservar o eu-externo expressando juventude e beleza. Estas existem Eternamente dentro da Chama de Deus, que é o Eu Divino de todo o indivíduo. Qualquer discórdia que o eu-exterior permitir prorromper através dos pensamentos e dos sentimentos, aquele instante é estampado na carne do corpo físico. Juventude Eterna e Beleza são Auto-Criadas e para sempre Auto-Existentes dentro da Chama de Vida de Deus, em cada ser humano. Este é o Plano de Deus para manifestar Sua Perfeição dentro do mundo da forma e mantê-la para todo o sempre.“ Juventude, Beleza e Perfeição são atributos do Amor que o Eu Divino está continuamente derramando em Sua Criação. No íntimo de cada indivíduo está colocado o poder, bem como os meios de manter e aumentar essa perfeita e sempre-expansiva atividade da Criação. “O Poder de realização é a energia do Eu Divino em cada ser humano que nasce no mundo. Está sempre ativo, em todos os momentos, em vossa mente, em vosso corpo e em vosso ambiente. Não há um instante em que essa poderosa energia não esteja fluindo através de cada indivíduo. Tendes o privilégio de qualificá-la, como vos aprouver, ao comando de vosso livre arbítrio, por meio do pensamento e do sentimento conscientemente dirigidos.“O pensamento é a única coisa no universo que pode criar vibração, e pela vibração dais a essa energia sempre-fluente a qualidade que desejais manifestar em vossa vida ou em vosso mundo. Essa ilimitada, inteligente, radiante energia flui incessantemente através de vosso sistema nervoso e é Eterna Vida e vitalidade na corrente sanguínea, correndo em vossas veias. É uma atividade Toda-Poderosa, Onipresente, Inteligente que vos é dada pelo Pai - o Princípio Divino da Vida - para ser conscientemente dirigida de acordo com o vosso livre arbítrio. A inteligência Real, que tudo usa de modo construtivo -vem somente de Dentro do Princípio de Deus - a Chama de Vida, e não é mera atividade do intelecto. Verdadeira Inteligência é Sabedoria ou Conhecimento de Deus, e isto não pensa nem pode pensar maus pensamentos. Maus pensamentos provêm somente de impressões causadas no intelecto pelo mundo que cerca o indivíduo. Se os homens distinguissem, entre seus próprios pensamentos, isto é, pensamentos de dentro da Chama de Deus, e as sugestões arremessadas pelos intelectos de outras pessoas, incluindo as impressões dos sentidos, que só consideram as aparências, seriam capazes de evitar todas as atividades e condições discordantes no mundo da experiência. “A Luz Interior, a Chama de Deus dentro de cada um, é o critério - o padrão de Perfeição, pelo  qual todos os pensamentos e sentimentos, que vêm até nós através dos cinco sentidos, deveriam ser testados. Ninguém pode manter seus pensamentos e sentimentos qualificados com Perfeição se não for à 'Fonte de Perfeição', porque esta qualidade e atividade só habitam dentro da Chama de Deus. “Esta é a necessidade que tem o indivíduo de meditar sobre a Luz de Deus dentro de si mesmo, e com ela se manter em comunhão. A Essência Pura da Vida não só vos dará e conservará a Eterna juventude e beleza do corpo, como também vos tornará capaz de manter perfeito equilíbrio entre vosso Deus Interno e o eu-externo ou eu-pessoal. De fato, essa Pura Energia de Vida é o poder que o eu-externo usa para manter conexão com sua Fonte Divina - o Deus Interno. Na realidade, esses dois são Um, exceto quando o intelecto, ou atividade externa da mente - a consciência sensorial - aceita imperfeição, desarmonia, deficiência, ou se julga uma criação à parte da Onipenetrante ‘Presença' de Vida. Se a consciência dos sentidos se considera alguma coisa separada de Deus - Perfeição, então essa condição é estabelecida para ele, porque aquilo que a percepção sensorial julga estar dentro do seu mundo, o mundo lhe devolve. “Quando alguém permite que uma ideia de imperfeição ou separação de Deus ocupe sua atenção, e portanto sua mente, uma condição correspondente a esta começa a expressar-se no seu corpo e no seu meio ambiente. Isto leva a pessoa a se sentir uma entidade a parte de sua Fonte. No momento em que se acredita separada de Deus, pensa que sua Vida, sua Inteligência, seu Poder, têm princípio e têm fim. “A Vida sempre foi, é agora e sempre será. Ninguém pode, na realidade, destruir a Vida. Através de várias atividades no mundo mental e no mundo físico, a forma pode ser desintegrada ou temporariamente demolida, mas a consciência do indivíduo é Eterna; pode controlar toda substância, onde quer que esta se manifeste, quando a Vida Divina interior é admitida como a 'Toda Sábia, Doadora e Autora' de todo o bem na Criação. “Eu vos digo a Verdade quando declaro que há somente uma Fonte de todo o Bem - Deus. O reconhecimento consciente e a aceitação dessa Verdade, admitidos e mantidos pela atividade externa da mente - não duas ou três vezes por dia, mas a cada momento, seja qual for a ocupação do eu-exterior, tornarão qualquer pessoa capaz de expressar sua perfeita liberdade e seu domínio sobre todas as coisas humanas. “Para a maioria das pessoas, o que foi dito soa dificil, porque viveram tantos séculos separadas de Deus, enquanto que, em todos os instantes de todos os dias estão usando Vida de Deus, Energia de Deus, Substância de Deus, Atividade de Deus em tudo que pensam e fazem, sem refletir sobre isso. Entretanto, é necessária a aceitação consciente deste fato pela mente exterior, e a orientação engenhosa para libertar Seu Poder Pleno através do eu-pessoal. “Reconhecimento, diretriz consciente e uso construtivo da Energia Divina, mantidos no íntimo constantemente, constituem o caminho da Perfeição, Mestria e Domínio sobre todas as coisas da Terra, incluindo o controle consciente de todas as forças naturais. O ensinamento que vos dei, se mantido, destruirá completamente todas as falsas crenças. A rapidez do resultado depende de como constante, persistente e profundamente sentirdes e vos associardes ao vosso Deus Interno. “Ao atingir a Mestria ou Adeptado, o controle consciente de toda força e o manejo da substância dependem, primeiro, do reconhecimento do vosso Ser Divino individual; segundo, da perfeita calma de sentimentos, a despeito de qualquer circunstância; terceiro, deve-se estar acima de toda tentação de fazer mau uso do poder. A quietação de todas as emoções, sob o comando da vontade consciente, é imperativa, e é uma exigência incondicional ao Adepto que queira alcançar o Domínio.

Fonte: Livro Mistérios Desvelados

https://www.ponteparaaliberdade.com.br/